Artigos da categoria: Eletricidade Básica

Há algum tempo um aluno do Clube Aprenda Eletrônica com Paulo Brites pediu-me que eu escrevesse alguma coisa sobre “operador j”, pois ele não entendia bem o que era e para que servia. Resolvi então, que talvez valesse a pena dividir esta...
O título é uma paródia que faço a uma frase atribuída a Fernando Pessoa – Navegar é preciso, viver não é preciso – que ficou mais conhecida na letra de uma canção de Caetano Veloso. Entretanto, Pessoa “tomou-a emprestado” de...
Pois é, estranhou o título do post – tem muito café no bule? Eu já vou explicar. Quando eu digo que tem muito café no bule o que eu quero dizer é que tem mais de 250 posts publicados aqui no site e,...
Recentemente recebi um e-mail de um aluno do Clube Aprenda Eletrônica com Paulo Brites pedindo minha opinião sobre um transformador “isolador” que ele havia comprado há um tempo atrás lá no Nordeste onde residia na época. Não vou citar o...
Calma pessoal, não é propina de empreiteira e não estou sendo citado na lava-jato. Esse milhão é honesto e muito gratificante. Esse milhão é o número de visitantes que o site acaba de atingir em menos de quatro anos de existência.
No post anterior “Uma dúvida comum sobre transformadores” eu esqueci de mencionar uma questão importante que foi levantada de forma indireta no comentário de um leitor. Sob o ponto de vista meramente teórico tudo que foi explicado naquele artigo está correto, mas um detalhe prático...
No post de hoje vou responder uma dúvida comum sobre transformadores e sobre a qual volta e meia me perguntam. Para melhor ilustrar a questão usarei um e-mail que recebi há alguns dias e como eu disse é uma dúvida comum sobre transformadores.
Este post foi escrito para atender uma dúvida de um leitor e provavelmente pode ser a dúvida de muitos. Quem sabe? Quando você vai comprar uma bateria para o carro o vendedor, geralmente, pergunta qual a marca e o modelo do mesmo, bem como se tem ou não ar condicionado. A partir destas informações ele consulta o catalogo do fabricante de...
Um amigo, professor de Física, ganhou um multímetro ICEL modelo MD-5880 que foi abandonado pelo antigo dono porque o display estava quase totalmente apagado. Como ele estava precisando de um multímetro do tipo que eu chamo de “x-tudo”, numa analogia com aqueles hot dogs de carrocinha, perguntou-me se...
Antes de tratar efetivamente do assunto deste post, que é sobre uma destas joias raras da eletrônica e cobiçada pelos reparadores, quero dar aos meus leitores uma justificativa sobre o meu “sumiço” com relação a matérias como esta com foco na reparação que é um dos objetivos do blog.