Gerador de Funções Feel Tech FY 6600 – A frustação

Depois de assistir alguns vídeos no Youtube de “desembrulhamento” deste Gerador de Funções Feel Tech FY 6600, que pouco acrescentavam em informações relevantes, resolvi, assim mesmo, arriscar e mandar vir um da China, ano passado, portanto bem antes do Novo Coronavirus chegar.

O Gerador de Funções Feel Tech FY 6600 é um equipamento chinês que utiliza a tecnologia DDS – Direct Digital Synthesizer – capaz de fornecer 33 tipos de formas de ondas, por isso também chamado de gerador de formas de ondas arbitrárias.

Ele pode ser encontrado em quatro faixas de frequência: 20MHz, 30MHz, 50MHz e 60MHz. Optei pela versão de 30MHz uma vez que minha intenção principal era utilizá-lo para algumas demonstrações em aulas do Clube Aprenda Eletrônica com Paulo Brites enquanto tentava (e continuo tentando) encontrar um CI descontinuado para reparar meu ICEL GV-2002.

Num primeiro momento pensei apenas em analisar a onda senoidal e quadrada e conforme o que concluísse trataria das demais o que acabei desistindo de fazer e se você continuar a ler entenderá por quê. Aliás o título do artigo já pode lhe dar uma dica.

Entretanto, não posso deixar de chamar a atenção para uma questão relevante que é o fato dele não usar uma tomada de padrão brasileiro com três pinos portanto, sem aterramento adequado podendo deixar, em alguns casos, a parte externa dos conectores BNC vulneráreis a uma tensão alternada de valor significativo.

Na Internet pode-se encontrar alguns vídeos mostrando como corrigir esse problema, mas, por ora, ele é irrelevante para mim.

Meu objetivo no momento é tratar de outra questão não menos importante que são os ajustes da tensão de saída de cada canal e descobrir se outros compradores tiveram os mesmos problemas ou teria sido eu o “premiado”.

Recentemente eu publiquei aqui um artigo mostrando a aplicação do gerador para analisar um kit amplificador que áudio que utilizei para substituir os STK 080 (falsificados) em um receiver Marantz.

Naquela ocasião eu percebi que as saídas de cada um dos canais do gerador, mesmo quando ajustadas para a mesma tensão, mostravam-se bastante diferentes uma da outra quando observadas no osciloscópio.

Como estava com pressa resolvi adotar uma estratégia não muito técnica colocando um T-BNC e ligando dois cabos no mesmo canal do gerador para alimentar as duas entradas do receiver com sinal garantidamente de mesma frequência e tensão.

Há coisas que me deixam incomodado e não consigo abandonar por isso, finalmente resolvi inspecionar mais a fundo o problema e aí é que veio a frustação.

É óbvio que eu não estava esperando a qualidade de nenhum gerador profissional num equipamento que chega aqui no Brasil na faixa de R$ 400,00, aproximadamente, mas um mínimo de decência é necessário.

Por dentro do gerador

Próximo ao dissipador na parte frontal da PCI podemos ver que existem três micro trimpots junto a dois CIs que são  amp ops o que sugeria que deveriam ser utilizados para ajustes de ganho e algo mais dos referidos amp ops mas, não havia nenhuma indicação de que quais ajustes eles fariam.

O site do fabricante, obviamente, não nos dá estas informações bem como os esquemas e o jeito era procurar na Internet e ver se alguém já havia hackeado o bichinho.

Para começar digitei no Google “adjusting FY6600” e finalmente, depois de algumas “aulas” ensinando como desembrulhar uma compra, encontrei o vídeo de Robert’s Smorgasbord que mostrava, em princípio, exatamente o que eu estava procurando, ou seja, para que serviam os tais trimpots e se, ao ajustá-los, seria possível resolver a diferença nas tensões de saída dos canais.

Após assistir o vídeo resolvi, conclui que parecia que sim e que dava para começar a fazer os ajustes como mostrarei mais à frente e você irá entender por que eu digo “parecia”.

Antes, porém vale a pena mencionar algumas coisas que observei.

Quando ligamos o gerador na chave liga/desliga traseira, por padrão, ele vem configurado para o canal 1 (CH 1 amarelo) com uma onda quadrada na frequência de  20kHz, muiiiito “ruim”, diga-se de passagem, indicando no painel amplitude 10V o que não correspondia a realidade pois, o osciloscópio digital MINIPA MVB DSO mostrava um valor diferente.

O mais estranho é que ao girar o botão de encoder para mudar a frequência o painel passava a mostrar 5V pico a pico o que era acompanhado no osciloscópio, ou seja, eu mexia na frequência e alterava a tensão!

Não entendi nada, poderia ser um bug do software!

Deixei para lá e continuei na missão de tentar ajustar os tais trimpots seguindo as dicas de Mr.Robert.

Passemos aos ajustes e a frustação

Seguindo o vídeo de Mr.Robert consegui descobrir a finalidade de cada trimpot embora no meu caso eu tenha encontrado uma diferença em relação a figura que mostra no vídeo e o que ocorre na PCI do meu gerador, provavelmente por uma questão de versão. De qualquer maneira, como eu disse, o vídeo parecia começar a me mostrar uma luz no fim do túnel. porém mais tarde o túnel voltou a ficar às escuras, como veremos.

Na fig. 1 temos as configurações de cada trimpot no meu gerador.

Fig. 1 – Ajustes do Gerador Feel Tech FY-6600

Os ajustes W5 e W3 atuam na amplitude da onda dos canais 1 e 2 respectivamente. Quando girados no sentido horário (CW) a amplitude aumenta e no sentido anti-horário (CCW) diminui.

Os ajustes W26 e W16 atuam na simetria da onda do cana1 1 e 2 respectivamente, segundo Mr.Robert.

O ajuste W26 quando girado no sentido CW faz subir o semiciclo positivo da onda do canal 1, enquanto girado para CCW movimenta-o para baixo.

No caso de W16 ele atua de forma inversa ao W26, ou seja, girado CW ele desce a parte superior do semiciclo da onda do canal 2 e CCW ela subirá.

Vale ressaltar que esta “simetria” é um pouco estanha uma vez que se entende por simetria algo que se refere a dois lados de uma imagem em relação a um eixo de referência seja para cima/ para baixo ou, esquerda/ direita e neste caso o trimpot só atua na parte de cima.

Por exemplo, se tomarmos como referência uma linha que passa pelo centro do nariz de uma pessoa ou animal o rosto é simétrico em relação a ela.

No caso do gerador, W26 e W16 atuam apenas na parte de cima da onda na prática acabei concluindo que eles promoviam saltos no semiciclo positivo da onda.

Finalmente temos os ajustes W2 e W1 denominados off set, que posicionam as ondas em relação a uma referência DC.

Começando os ajustes

Uma vez estabelecidas as funções de cada trimpot, ou melhor,  como atuariam, era chegada a hora de começar tentar fazer os ajustes e ver o que acontecia.

Levei cada um dos canais do gerador para o osciloscópio. Neste caso um digital é mais conveniente, pois permite ver o valor da tensão e da frequência que está sendo obtida de forma mais precisa que no analógico.

Ativei a função SINC do gerador que permite que as alterações na forma de onda, frequência, amplitude, off set e duty cycle, feitas no painel do gerador para um canal sejam simultaneamente seguidas no outro.

Optei por começar com onda quadrada na frequência de 1kHz e saída 5V.

Depois de uma boa dose de paciência atuando nos trimpots que, diga-se de passagem, deveria ser do tipo multi voltas, consegui colocar os dois canais exatamente iguais como vemos na fig.2

Fig. 2 – Ajuste da onda quadrada no gerador Feel Tech FY-6600

A primeira frustação

Deixei tudo como estava e mudei a forma de onda para senoidal e aí começou minha primeira frustação.

Em primeiro lugar a onda não se mantinha estável em 1kHz, variando, embora ligeiramente, mas com valores diferentes para cada canal.

Para piorar o nível de tensão de saída também oscilava entre 4.95 e 5,15V.

Fig.3-m Ajuste da onda senoidal no Gerador Feel Tech FY-6600

Aqui vale uma observação importante o valor da tensão aparece no painel do gerador é pico a pico e não RMS como é usual.

Portanto, você terá que fazer uma conta para chegar ao valor RMS o que convenhamos não é nada prático.

Neste caso, por exemplo, o valor RMS é 1,767V.

Em outras palavras, suponhamos que queiramos uma senóide de 5VRMS.

Então, precisamos ajustar o gerador para 14.1V.

Fiz isso, e veja na fig.4 o que aconteceu, ou seja, mais uma frustração

Fig. 4 – Gerador Feel Tech akustado para senopi de 1kHz 5VRMS

Embora eu tivesse mantido a frequência dos dois canais do gerador Feel Tech FY 6600 em 1kHz ela oscilava entre diversos valores aleatoriamente e como nada está tão ruim que não possa piorar o canal 1 (onda azul do scope) caiu para um valor que oscilava em torno de 3,56V e o canal 2 (onda amarela do scope) mostrava um valor oscilando em torno de 13,86V e não, os 14,1V ajustados no painel do gerador para os dois canais.

Moral da história

Perdi muitas horas, em vão, tentando ajustar essa coisa chamada Feel Tech FY-6600 e ainda bem que não tenho gato em casa, caso contrário ele teria jogado terra em cima!

Se for para ver figurinhas como num gibi sem se preocupar com o que está escrito até valerá a pena comprar, caso contrário, não recomendo, a menos que eu tenha sido premiado e recebido um fake que não funciona ou veio com defeito.

Com a palavra os “desembrulhadores” de plantão do youtube!

E.T No vídeo de Mr. Robert ele não aprofunda a questão dos ajustes, mostra apenas de forma superficial.

Paulo Brites

Técnico em eletrônica formado em 1968 pela Escola Técnica de Ciências Eletrônicas, professor de matemática formado pela UFF/CEDERJ com especialização em física. Atualmente aposentado atuando como técnico free lance em restauração de aparelhos antigos, escrevendo e-books e artigos técnicos e dando aula particular de matemática e física.

Website:

8 Comentários

  1. Adriano Gonçalves

    Olá professor Paulo. Só para trazer mais uma opinião. Aprovetei suas dicas e fiz os testes no meu gerador Feeltech FY6800 que comprei da China no início de 2019 e que ainda não usei muito.
    Repeti os mesmos testes e no meu osciloscópio (Hantek IDS1070A) se mostraram estáveis as tensões e frequências (sem problemas) nos dois canais. Porém quando medi sobre uma carga (resistência de 50 ohms), a tensão caiu pela metade em relação ao valor mostrado (VAmp) no gerador. Acredito que em um gerador de melhor qualidade esta queda não deva ocorrer de forma tão intensa. Lamento que o seu FY6600 tenha vindo com defeito e que seja difícil fazer o envio à China para receber um novo.
    Abraço!

    • Paulo Brites

      Ótimo o seu relato. Antes de publicar gastei muito tempo fazendo os testes e repetindo. Ainda existem duas possibilidades Uma de re instalação do softwere No momento não tenho tempo para tentar isso. A outra sería os op amps defeituosos e que tb demandaria tempo de analise.
      Quanto a questão da tensão cair para metade está correto. A impedancia intenrna do gerador é 50ohms Você colocando uma carga de 50ohms vai cair para metade. Experimente uma carga de 500ohms ou mais e deverá funcionar.
      Outra questão que seria interessante ver é a qualidade da onda principalmente quadrada Vi algins videos de gringos que tb reclamaram sobre isso.
      Et No site do fabricante há um e-mail de contato Quando tiver um tempo talvez escreva para eles, vamos ver se mais alguém comenta alguma coisa.
      Abraços

  2. Professor Paulo ,terrivel em como pode ,sair assim para fora da fabriqueta e ser tao fora as frquencias e nao ser estavel ,qual e o ci do icel vc 2002 descontinuado ,vou deixar na minha lista de sumidos se achar compro e mando ,tenho varios achei um de um frequencimetro de mao da icel ele e escaler de frequencia alta ,troquei e deu certo ,saiu caro mas valeu .Foi em Sao Paulo la na Santa Efigenia ,la em cima onde estao as lojas pequenas ,onde tem ci e etc.Abraço boa pesquisa .

    • Paulo Brites

      Como dizem os advogados, que nunca estiveram tão na moda vomo agora, vamos dar o beneficio da dúvida rsrs Pode ser que eu tenha comprado um fake.
      Vi muitos videos na Internet mas tudo muito superficial. Ninguém mergulha fundo.
      Suspeito do TPIC6B259 É um power logic a8 bit addresssable and latch. 20 pinos dual on line Achei na China SMD atpe pensei em comprar Veio a pandemia desisti Não chega mais nada por aqui pelo correio.
      Não vou a São Paulo desde 2007 e não pretendo mais ir,me cansa muito bater perna por lá….
      Obrigado pelo seu apoio

  3. mario Roberto

    Agradeço a informação Já que estava empolgado para comprar um, tenho támbem um ICEL GV2002
    com o FADJ (o ajuste de freq. ruim )

    • Paulo Brites

      Olá Mário

      Se eu resolver comprar provavelmente comparei um MINIPA

      Esse Icel na verdade é o Victroy VC-2002, portanto de 2002 Eu tenho algumas informações sobre ele se interessar mando para o seu e-mail

  4. Paulo César Santana

    Quase encomendei um desse. Agora não encomendarei mais. Obrigado pela compartilhamento Brites!

    • Paulo Brites

      Vamos ver se aparece alguém com outra opinião.

      Eu estou começando a repensar a compra dessas coisas chinesas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.