search
top

Ressuscitando o Circuito de Saída Horizontal

Ressuscitando o Circuito de Deflexão Horizontal

O vinil voltou, as fitas cassete estão voltando (quem diria), então por que o circuito de deflexão horizontal não pode voltar?

O componente clássico do circuito de deflexão horizontal é uma peça conhecida com fly back que, desde sempre, deu muita dor de cabeça aos técnicos reparadores de tv.

Este é um daqueles casos em que uma palavra ou marca fica associada a um conceito como, por exemplo, Xerox que virou sinônimo de cópia.

A maioria das fontes chaveadas usadas em circuitos eletrônicos comercias operam sob o princípio do fly back que não deve ser confundido aqui com a “peça” que gera a alta tensão para os tubos (CRT) dos televisores.

Revirando o “meu baú” encontrei o arquivo de um livro escrito por mim em 2002 (isso mesmo!) e que fez muito sucesso na época: Fly Backs & Circuitos de Deflexão Horizontal onde não trato apenas da peça mas também de conceitos importantes.

A edição de 2002 se esgotou faz tempo e hoje não faz mais sentido editar livros em papel.

Pensando nisso resolvi transformar essa raridade num e-book e colocar a venda por um precinho simbólico – apenas R$ 6,99 (não é sete pra não parecer conta de mentiroso!).

Ainda existe muita gente consertando televisor de tubo por este mundo a fora e este livro pode ser útil e ajudar a esclarecer dúvidas.

E quem está chegando agora na eletrônica irá encontrar muitas informações importantes que podem ser usadas para se entender o funcionamento de fontes chaveadas e suas mazelas. Dá uma olhada no índice clicando aqui.

Fly Backs & Circuitos de Deflexão Horizontal

Fly Backs & Circuitos de Deflexão Horizontal

 

Técnico em eletrônica formado em 1968 pela Escola Técnica de Ciências Eletrônicas, professor de matemática formado pela UFF/CEDERJ com especialização em física. Atualmente aposentado atuando como técnico free lance em restauração de aparelhos antigos, escrevendo e-books e artigos técnicos e dando aula particular de matemática e física.

banner ad

2 Responses to “Ressuscitando o Circuito de Saída Horizontal”

  1. Rafael disse:

    Eu tinha o livro impresso,me ajudou muito!!

Deixe seu comentário

top