search
top
Currently Browsing: Eletrônica Reparação

Testando capacitores eletrolíticos com o osciloscópio

Testando capacitores eletrolíticos com o osciloscópio

O parâmetro fundamental de um capacitor é, obviamente, a capacitância e durante muito tempo nós, técnicos (inclusive eu), pensávamos que ter um capacímetro resolveria todos os nossos problemas.

Aliás, antes dos capacímetros se tornarem populares, “tudo” em eletrônica se resolvia com um VOM analógico até mesmo o teste dos capacitores.

Osciloscópio sem traumas

Osciloscópio sem traumas

Este é um post rapidinho para informar aos meus leitores que acabei de lançar meu novo e-book Osciloscópio sem traumas.

Escolhi o título Osciloscópio sem traumas porque, ao longo dos meus quase “50 anos de carreira”, percebi que o osciloscópio, quase sempre, provoca calafrios nos técnicos, não apenas pelo preço mas também pela utilização.

Algumas coisas que se deve saber para comprar um no break

Algumas coisas que se deve saber para comprar um no break

Este artigo surgiu por causa de uma consulta que um cliente de áudio me fez dia destes sobre a compra de um no break para situação pouco comum: – alimentar um concentrador de oxigênio!

A dúvida que ele tinha e quase todo mundo tem, era como escolher a potência do no break uma vez que eles são especificados em “VA” (volt-ampères) e o equipamento em questão indicava 310W.

Onde encontrar transistores e diodos com códigos estranhos

Onde encontrar transistores e diodos com códigos estranhos.

Quase todo dia recebo “pedidos de ajuda” para identificar transistores e diodos com códigos estranhos, ou melhor, para indicar onde comprá-los.

Medindo tensões DC com PM-438

Medindo tensões DC com PM-438

Foi-se o tempo em que construir um voltímetro digital, que era o sonho de todo técnico, demandava uma boa dose de dedicação e conhecimento.

Por que usar linha de 70 volts?

Por que usar linha de 70 volts?

Objetivo deste artigo é discorrer um pouco sobre sistemas de sonorização e explicar o que é e porque usar linha de 70V, também conhecida como “tensão constante”.

Imagine que você é chamado para instalar nove alto falantes, por exemplo, em uma pequena loja ou escritório.  Certamente você não irá colocar todos em paralelo porque a impedância final cairia para menos de um ohm o que acarretaria a queima do amplificador em pouco tempo.

Pensa daqui, pensa dali e você resolve usar a configuração da fig.1.

FIG.1 - Distribuição de alto falantes

FIG.1 – Distribuição de alto falantes

Reparando TVs Philips de tubo

Reparando TVs Philips de tubo

Em princípio você pode estar achando estranho que em 2017 eu apresente um post com o título “Reparando TVs Philips de tubo”, mas já explico os motivos desta nostalgia.

Para quem acha que não existe mais espaço para este tipo de reparo gostaria de lembrar que o Brasil, nem o mundo “não é a novela das oito”.

Cuidados ao reparar fontes chaveadas

Cuidados ao reparar fontes chaveadas

Não se pode querer resolver um problema novo usando as mesmas soluções antigas.

A frase não é minha e sim, atribuída a Eisenstein, mas ela faz parte do meu “kit de conceitos” que uso na vida.

Resolvi escrever este artigo falando de cuidados ao reparar fontes chaveadas, para alertar não apenas aos que estão chegando agora ao mundo dos reparos, mas também a muita gente da velha guarda que ainda tenta resolver problemas novos com soluções antigas.

Medidas das correntes de fuga em transistores bipolares

Medidas das correntes de fuga em transistores bipolares

No último post de 2016 eu comecei uma abordagem sobre a importância das correntes de fuga em transistores bipolares quando testamos transistores e/ou precisamos substituí-los numa reparação e prometi apresentar uma sugestão para medir estas correntes utilizando um VOM analógico mais “fraquinho”.

Meio milhão em três anos

Meio milhão em três anos

Calma, isso não foi nenhuma propina que eu recebi do Departamento de Operações Estruturadas da Odebrecht, mais conhecido como DEPROP, até porque eu não sou político!estatiticas

Meio milhão em três anos é o número de visitas do nosso site teve neste período. Isso mesmo 500.000 visitas.

Nada mal, não é mesmo considerando que o site não trata de fofoca nem de pornografia.

O site foi ao ar oficialmente em dezembro de 2013 de lá pra cá foram mais de 171 (KKK) artigos publicados e 897 comentários dos leitores, em geral, sempre positivos embora as críticas, se bem fundamentadas, sempre serão bem vindas e ajudarão a melhorar o trabalho.

MUITÍSSIMO OBRIGADO a todos que apoiaram e ajudaram a compartilhar e divulgar este trabalho.

Que venha mais meio milhão.

Mas pra continuar preciso contar com o apoio de vocês!

Está ficando cada vez mais difícil segurar os custos para manter o site no ar e eu não gostaria de encerrá-lo porque escrever e divulgar conhecimento é o que mais gosto de fazer e para mim é muito gratificante.

Se você gosta do site, usufrui do conteúdo e pode ajudar fazendo uma doação creio que todos sairão ganhando.

Qualquer quantia é bem vinda. Até meio milhão!!!! Só não pode declarar no IR.

Aqui em baixo tem um banner, clicando nele você é redirecionado para o Pag Seguro da UOL onde poderá doar. Não precisa ter conta no Pag Seguro, pode doar com boleto.

Muito obrigado pelo apoiodoar-com-pagseguro

« Previous Entries

top